Domingo, 17 de Outubro de 2021
Arquivo VTM

Uma frente ativa no fogo de Soutelo de Matos

O incêndio de Soutelo de Matos, de Vila Pouca de Aguiar, tem uma frente ativa que lavra com alguma intensidade, segundo disse o comandante dos bombeiros local.

-PUB-

Hugo Silva, comandante da corporação de Vila Pouca de Aguiar, disse à agência Lusa que, pelas 20:00, o fogo tinha uma frente ativa que estava a lavrar com intensidade e que os meios estavam a ser concentrados para combater as chamas que queimam uma zona de mato e pinhal na serra do Minhéu.

O responsável referiu ainda não haver, “neste momento, habitações em perigo”.

Segundo disse à agência Lusa fonte da Proteção Civil municipal de Vila Pouca de Aguiar, durante a tarde foram retirada de cerca de 10 pessoas, idosos e uma criança, de quatro casas, na aldeia de Soutelo de Matos, mas apenas por uma questão de precaução, tendo já regressado às habitações.

Um bombeiro da corporação de Vila Pouca de Aguiar foi também assistido por inalação de fumo.

Com o início da noite os meios aéreos foram desativados e, no no terreno, segundo a página da Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), estavam 156 operacionais e 47 viaturas.

Durante a tarde o fogo chegou a ter duas frentes ativas e a mobilizar sete meios aéreos.

O fogo teve início pelas 23:25 de domingo, numa zona de mato da localidade de Soutelo de Matos, freguesia de Pensalvos e Parada de Monteiros, e pelas 01:00 entrou em fase de resolução, tendo-se verificado uma reativação às 15:30 de hoje.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.