Quinta-feira, 29 de Julho de 2021
©DR

Abertas candidaturas ao Prémio Maria José Nogueira Pinto em Responsabilidade Social

Projetos inovadores com impacto social podem candidatar-se até 8 de setembro

-PUB-

O Prémio Maria José Nogueira Pinto está de regresso para a sua 9.ª edição, com o lançamento das candidaturas no website oficial do prémio, que decorrem a partir de 8 de julho até ao dia 8 de setembro, de 2021. A iniciativa, de responsabilidade corporativa da MSD Portugal, visa reconhecer o trabalho desenvolvido por entidades que integram o “sector sem fins lucrativos”, que se tenham destacado no âmbito de ações inovadoras com impacto social, em Portugal.

Ao projeto que melhor corresponde ao conceito “socialmente responsável na comunidade em que está inserido”, defendido pela Dr.ª Maria José Nogueira Pinto ao longo da sua vida, é atribuído, anualmente, um valor de 10.000€, estando previsto ainda, para cada uma das menções honrosas, um valor monetário de 1.000€, com o propósito de apoiar e incentivar as instituições a continuarem o seu trabalho, reconhecendo a importância social do projeto, o número de pessoas beneficiadas, o impacto na comunidade e a sua natureza inovadora.

No âmbito do Prémio Maria José Nogueira Pinto, já foram apresentadas mais de 727 candidaturas e distinguidos 35 projetos de diversas áreas de intervenção social, provenientes de instituições privadas de vários pontos do país, incluindo ilhas. O vencedor da 8.ª edição foi o projeto da Associação “A música Portuguesa a gostar dela própria”, que vai ao encontro dos idosos, nas suas aldeias, nas janelas ou nos quintais de suas casas, para construir um registo de todo o património de tradição oral e de uma memória coletiva existente no país, ao mesmo tempo que promove a estimulação cognitiva dos idosos e que combate o isolamento e a solidão, fazendo com que se sintam acompanhado e valorizados, assumindo-se de extrema importância durante a pandemia que vivemos.

O Júri do Prémio é presidido por Maria de Belém Roseira e constituído por mais seis elementos de reconhecido mérito, idoneidade e reputação: Anacoreta Correia, Clara Carneiro, Isabel Saraiva, Monsenhor Vítor Feytor Pinto, Jaime Nogueira Pinto e Pedro Marques, em representação da MSD Portugal.

Para consultar o regulamento do Prémio e a ficha de candidatura, visite o site.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.