Sábado, 12 de Junho de 2021

Ato eleitoral do SC Vila Real em tribunal

Na próxima terça-feira começa no tribunal de Vila Real o julgamento contra o Sport Clube de Vila Real. Em causa está o apuramento da validade ou invalidade das deliberações da assembleia-geral eleitoral de 25 de maio de 2018 e da subsequente investidura/posse ou deliberação dos sócios de 16 de junho do mesmo ano.

-PUB-

A ação foi colocada pelo sócio do clube, Levi Leandro, que sempre se manifestou contra as eleições sem a aprovação dos estatutos e agora espera ver o ato eleitoral anulado.

Em declarações à VTM, este sócio revela que o ato eleitoral foi “tudo menos claro”, afirmando que “houve intromissões políticas da câmara municipal e do Partido Socialista”. “Não queria ir por esta via, mas quando ouvi a conferência de imprensa do senhor presidente da câmara, Rui Santos, a afirmar que suspendia os subsídios ao clube enquanto não houvesse eleições, a mandar arrombar as portas do campo do Calvário, quando as instalações são da responsabilidade da direção do SC Vila Real, não me restava outra alternativa”, revela,

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.