Sábado, 12 de Junho de 2021
© MÁRCIA FERNANDES

Carlota esteve em destaque

Numa bela manhã de sol, as duas equipas entraram com determinação, com a bola a ser muito disputada a meio do terreno, mas não criavam oportunidades de golo, apenas em lances de bola parada é que os guarda-redes eram chamados a intervir.

-PUB-

Aos 28’, contra a corrente do jogo surge o tento inaugural, Carlota antecipa-se a um defensor e, plena de oportunidade, remata para o fundo da baliza.

O início da segunda metade mostrou-nos uma Diogo Cão na procura da igualdade, criando dois lances vistosos, obrigando Veloso a cuidados redobrados, mas a estes respondeu o Régua através de um remate cruzado de Leandro Filipe. Aos 44’, a igualdade esteve à vista, após jogada na esquerda, o esférico é cruzado para a direita, com Guilherme Neto, em esforço, a tocar a bola para o poste. Na resposta, os reguenses, após jogada de contra-ataque, viram o juiz da partida a assinalar um castigo máximo a seu favor, mas Gonçalo Silvério não aproveitou. A turma visitada acreditou que podia chegar à igualdade, lutou para isso, no entanto, aos 54’, Carlota acaba por fechar a contagem, bisando na partida.


FICHA DE JOGO

DIOGO CÃO, 0 | RÉGUA, 2

Jogo no Complexo Desportivo da UTAD
Árbitros: Izalino Moreira e Bruno Carvalho

DIOGO CÃO: Tomás Pinto; Martim Pedro, Marco Jorge, Pedro Miguel e Rodrigo Guedes; Isaac Alves, Bruno Fraga, Guilherme Neto e Xavier Cruz
Jogaram ainda: Afonso Dias, Frederico, Guilherme, Filipe Queirós, Leonardo, Ricardo e Luís Cabo
Treinador: Pedro Sousa

RÉGUA: Veloso; José Pedro, João Guedes, José Miguel e Samuel Pinto; Miguel Almeida, João Ferraz, Leandro Filipe e Miguel Lopes
Jogaram ainda: Maria Portela, Ana Machado, Eduarda Coelho, Bárbara Pinto, Beatriz Lameirão e Leonor Machado
Treinador: Miguel Silva

Ao intervalo: 0-1
Marcador: Carlota (28’ e 54’)

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.