Segunda-feira, 27 de Setembro de 2021

Carros antigos são a preferência dos assaltantes

A par da notícia da página 21, 

https://www.avozdetrasosmontes.pt/admin/noticias/20267

também Vidago tem sido um dos locais preferenciais dos assaltantes, porém, as escolhas são veículos com baixo valor de mercado e com matrícula dos anos 90.

-PUB-

À VTM, Nuno Miguel contou que a sua carrinha, uma Opel Campo, foi roubada mesmo em frente à sua residência, na madrugada de quarta-feira, dia 5. “A carrinha ficou estacionada e o furto ocorreu entre a meia-noite e as 8h00, hora em que cheguei ao local onde ela tinha ficado”.

Apesar da viatura já ter 22 anos, o dono garantiu que “estava impecável. Tinha mais de duas décadas, mas o motor era Isuzu, o que garante durabilidade e bastante resistência ao longo dos anos”.

Este roubo não foi caso isolado, visto que na freguesia já se contabilizaram meia dúzia de furtos em pouco tempo. Quer seja ao interior dos veículos ou roubo integral, os alvos preferenciais são os mais antigos e com menor eletrónica, tornando-se fáceis para desmontar e difíceis de rastrear.

Na vila diz-se que “os que foram já não voltam nem nunca mais ninguém saberá deles. A esta hora já mudaram de continente”. 

Os recentes acontecimentos têm trazido receio à população, que se queixa da falta de agentes de autoridade nas ruas

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.