Quinta-feira, 30 de Junho de 2022

“Castmonte” incentiva população de Carrazedo de Montenegro

A Feira da Castanha de Carrazedo de Montenegro decorreu, no fim-de-semana, levando a efeito diversas actividades, desde a venda à degustação da castanha que é apreciada por muita gente.   A vila de Carrazedo de Montenegro esteve em festa, durante o fim-de-semana, devido à realização da “Castmonte”, naquela que foi a décima edição da sua […]

A Feira da Castanha de Carrazedo de Montenegro decorreu, no fim-de-semana, levando a efeito diversas actividades, desde a venda à degustação da castanha que é apreciada por muita gente.

 

A vila de Carrazedo de Montenegro esteve em festa, durante o fim-de-semana, devido à realização da “Castmonte”, naquela que foi a décima edição da sua Feira da Castanha. O fruto do Outono foi muito apreciado, pelas pessoas que se deslocaram ao certame.

Promovida pela Câmara Municipal de Valpaços, Junta de Freguesia de Carrazedo de Montenegro e Associação Regional de Agricultores das Terras de Montenegro, a “Castmonte”, para além das variedades da castanha, privilegiou, desta feita, a venda de artesanato, produtos regionais e doçaria da castanha, com os expositores presentes.

A castanha da Padrela é uma garantia de qualidade, na região e em grande parte das localidades envolventes, nomeadamente a população de Carrazedo de Montenegro tem, na castanha, um modo de garantias económicas, para enfrentar todo o Inverno. A “Castmonte” também incentiva a população de Carrazedo de Montenegro.

Na apresentação do certame, o edil de Valpaços, Francisco Tavares, augurou um bom futuro a este certame, anunciando que a próxima edição decorrerá no pavilhão multiusos local.

Após a sessão solene, a comitiva percorreu os lugares de exposição, tendo tido a oportunidade de provar a castanha, com a animação musical a ser partilhada por todos os participantes.

Grupos de música tradicional, folclore e concertinas coloriram, ainda mais, a décima edição deste certame.

 

João Cláudio

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.