Terça-feira, 15 de Junho de 2021

Club de Vila Real obtém 2º lugar no Seixal

O CLUB de Vila Real deslocou-se ao Seixal para participar, mais uma vez, no torneio daquela cidade, com uma comitiva de 9 atletas de todos os escalões.

-PUB-

Os vila-realenses estiveram em bom plano em todos os escalões, conseguindo colocar atletas nos mapas finais, o que mostra a existência de vários atletas entre os melhores atletas nacionais.

Na prova de iniciadas femininas, Margarida Conde e Soraia Fernandes, as únicas representantes do CLUB neste escalão, conseguiram, respetivamente, o 6º e o 3º lugar.

Em iniciados masculinos, Guilherme Alvadia atingiu os quartos de final, perdendo para o atleta que viria a vencer a prova, num jogo bem disputado. Na classificação final, o Guilherme obteve o 5º lugar da geral.

Em Cadetes, Igor Kirychenko atingiu os 1/8 avos de final onde acabou por perder. Em femininos, a representante do CLUB Adriana Friães também alcançou os 1/8 avos de final. Nesta prova participaram ainda os atletas João Morais, Vasco Carvalhais e Diogo Catarino, atletas infantis, mas em preparação para a prova do dia seguinte.

No segundo dia, as atletas iniciadas chegaram aos 1/8 de final, depois de terem surpreendido atletas mais velhas.

Em infantis masculinos, João Morais, Vasco Carvalhais e Diogo Catarino, infantis de primeiro ano e Guilherme Alvadia, ainda iniciado, conseguiram mais um pódio. Todos passaram ao mapa final, à exceção do atleta iniciado, nesta fase foram vencendo os adversários com o Vasco e o Diogo a alcançarem os 1/16 avos e João Morais a chegar aos ¼ de final, obtendo o 5º lugar da classificação final. Coletivamente o CLUB alcançou o 2º lugar da classificação geral.

Em juniores, Igor Kyrychenko, perdeu na ronda dos 1/16 avos de final. Em femininos, Carolina Rocha atingiu os 1/8 de final, onde perdeu com a atleta que viria a vencer a prova. Destaque ainda para a participação de Fernanda Borges, Adriana Friães e Rafael Friães, que não conseguiram ir além de algumas vitórias no grupo de apuramento.

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.