Domingo, 1 de Agosto de 2021

Covid-19 poderá “agravar a resistência” aos antibióticos

Investigadores da UTAD procuram respostas às implicações do uso de antibióticos durante a pandemia do novo coronavírus.

-PUB-

Esta é uma das conclusões de um grupo de investigadores da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, que estudaram a utilização de antibióticos em casos mais graves de pacientes com Covid-19.

O estudo, liderado por Patrícia Poeta, revelou que além de todas as implicações, já conhecidas, do vírus SARS-CoV-2, na saúde humana, também esta doença “poderá estar a agravar a prevalência mundial de resistência antimicrobiana”. Por isso, a investigadora alerta para “as consequências de saúde pública que poderão estar relacionadas com o tratamento de infeções secundárias em pacientes com Covid-19”.

Patrícia Poeta, também docente da UTAD, acrescentou que no tratamento de pacientes com Covid-19 se tem “verificado a administração de uma variedade de antibióticos de forma a

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.