Sábado, 31 de Julho de 2021

Dezenas de pessoas juntaram-se à porta do Mercado Municipal de Chaves

Aglomerado antes da abertura obrigou à intervenção da PSP.

-PUB-

O Mercado Municipal de Chaves teve hoje uma “grande aglomeração de pessoas” antes da sua abertura obrigando à intervenção da PSP, situação que levou à tomada de medidas por parte da câmara local, adiantou à Lusa fonte policial.

“Antes da abertura do mercado havia uma grande aglomeração de pessoas à entrada e deslocámo-nos lá para que fossem cumpridas as regras de distanciamento recomendadas”, explicou o comandante da PSP de Chaves, Luís Alves.

A feira semanal naquela cidade do distrito de Vila Real, que se realiza habitualmente às quartas-feiras, está suspensa desde 11 de março devido à pandemia de covid-19, mas hoje, na primeira quarta-feira em fase de desconfinamento, cerca de uma centena de pessoas encontrava-se à porta do espaço antes da abertura, prevista para as 09:00.

O espaço dedicado aos produtores agrícolas do concelho está aberto de segunda a sexta-feira, entre as 9 e as 13 horas, desde o dia 14 de abril para a venda de produtos diretamente à população.

Luís Alves lembrou ainda que, embora o espaço no mercado municipal esteja aberto todos os dias, a população do concelho tem “um hábito já enraizado” de se deslocar à cidade às quartas-feiras.

O responsável explicou que a PSP de Chaves teve “uma ação de sensibilização” junto das pessoas para que fossem cumpridas as regras de distanciamento que “não estavam a ser respeitadas”.

E acrescentou que “não foi necessário autuar nenhum cidadão”.

O comandante da PSP de Chaves garantiu ainda que quer a força policial, quer a Câmara Municipal estão já “a tomar medidas” para evitar que situações semelhantes se repitam.

“Uma delas passa por antecipar o horário de abertura do mercado para não haver uma concentração tão grande de pessoas”, referiu.

A vereadora para a área social da Câmara de Chaves, Paula Chaves, explicou à Lusa que também na semana passada aconteceu uma situação semelhante, com “a presença de muitas pessoas sem que fossem obedecidas as regras de distanciamento”.

“Vamos tomar medidas e já amanhã [quinta-feira] vamos realizar uma reunião com o delegado de saúde local e a PSP para, em conjunto, encontrar uma forma de fazer cumprir as regras”, vincou.

Uma das medidas já acertadas é a abertura do espaço a partir das 07:30 às quartas-feiras, quando há maior número de produtores e de população, disse ainda, explicando que nos restantes dias da semana as regras “estão a ser cumpridas com naturalidade”.

Paula Chaves destacou que a iniciativa de abrir um espaço no mercado pretende apoiar os produtores locais a escoarem a sua produção.

“Aos produtores que têm mais dificuldade no escoamento a autarquia adquire esses produtos e oferta às instituições que estão na linha da frente devido à pandemia”, acrescentou.

 

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.