Domingo, 3 de Julho de 2022

Distrito vai receber vinte técnicos de ambulância de emergência

Em todo o país, vão ser contratados 120 técnicos de ambulância. Destes, vinte vão ser colocados no distrito de Vila Real, mais exactamente em Chaves e em Montalegre. Os técnicos em causa vão prestar auxílio na emergência pré-hospitalar e a sua contratação visa suprir as carências detectadas no âmbito da reestruturação da Rede de Urgências. […]

Em todo o país, vão ser contratados 120 técnicos de ambulância. Destes, vinte vão ser colocados no distrito de Vila Real, mais exactamente em Chaves e em Montalegre.

Os técnicos em causa vão prestar auxílio na emergência pré-hospitalar e a sua contratação visa suprir as carências detectadas no âmbito da reestruturação da Rede de Urgências.

Vinte técnicos de ambulâncias de emergência (TAE) vão ser colocados, ainda este ano, no distrito de Vila Real, confirmou, ao Nosso Jornal, fonte do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), adiantando que terminou, no dia 17, o concurso público para selecção dos profissionais.

Segundo Pedro Coelho dos Santos, do Gabinete de Comunicação e Imagem do INEM, até à hora de fecho desta edição não era possível contabilizar o número de candidatos, uma vez que as candidaturas ainda estariam a ser aceites, desde que contivessem selo dos correios com a data do dia 17, embora lembre que, normalmente, “o número de interessados ultrapassa o número de vagas disponíveis”.

Nesta fase de reforço de meios, serão destacados oito operacionais de ambulância de emergência para Montalegre e outros doze para Chaves. No entanto, no próximo ano, o INEM tem prevista a contratação de mais técnicos, para a região transmontana.

A iniciativa do INEM prende-se com a necessidade de dar resposta às lacunas apontadas pelo Ministério da Saúde, no âmbito do processo de “Requalificação da Rede de Urgência e de Emergência”, lembrou o porta-voz do Instituto, esclarecendo que se está a trabalhar no reforço da assistência pré-hospitalar.

De recordar que o reforço de meios surge depois de, no dia 27 de Março, ter sido assinado, entre a autarquia de Chaves e a Administração Regional de Saúde do Norte, um protocolo de cooperação, no qual está previsto que “a partir de 1 de Outubro, sejam colocadas, na Unidade Hospitalar de Chaves, uma ambulância SAE (Serviço de Ambulância e Emergência, com tripulação composta por dois técnicos de ambulância de emergência) e, no Centro de Saúde de Montalegre, uma ambulância SIV (Suporte Imediato de Vida, com tripulação profissionalizada de enfermeiro e técnico de ambulância de emergência)”.

Exigido como primeiro requisito de admissão o 12.º ano de escolaridade e a carta de condução, depois de um vasto processo de selecção que conta, ainda, com o preenchimento de outros critérios (idade entre os 20 e os 35 anos, índice de Massa Corporal entre 20 e 30 e altura igual ou superior a 1,60 metros), os candidatos são chamados a fazer uma entrevista e, depois um curso de condução de ambulâncias de emergência e de um curso de tripulante de ambulância de socorro (TAS), sendo submetidos a uma última avaliação, final e global, a qual deverá ditar os seleccionados.

Segundo dados provisórios do INEM, no primeiro semestre deste ano, contaram–se 5.584 accionamentos de ambulâncias, no distrito, dos quais a maioria (4.216) em Postos de Emergência Médica, sendo ainda de destacar que as duas Viaturas Médicas de Emergência e Reanimação (sediadas em Vila Real e em Chaves) foram chamadas a intervir 650 vezes.

 

Maria Meireles

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.