Quarta-feira, 17 de Agosto de 2022

Enfermeiros julgados por receberem sem trabalhar

Na terça-feira, no Tribunal de Bragança, começou o julgamento de três enfermeiros de Macedo de Cavaleiros que cobraram, durante quatro anos, mais de 13.500 euros de horas extraordinárias sem prestarem serviço ao antigo Centro Hospitalar do Nordeste.

-PUB-

Os três arguidos (a enfermeira diretora e um casal) são acusados de dois crimes continuados de peculato e dois crimes continuados de falsificação de documento e incorrem em penas que podem ir até três anos de prisão.

A enfermeira diretora é acusada de ter proposto sem o conhecimento do Conselho de Administração a atribuição de horas extraordinárias aos dois adjuntos.

De acordo ainda com a acusação, o casal de enfermeiros, registou e recebeu, pelo menos entre 2008 e 2011, um total superior a 13.500 euros de horas extraordinárias “sem que tivesse prestado trabalho efetivo, nem comparecendo ao serviço”. O Ministério Público sublinha ainda que as quantias “foram autorizadas pela enfermeira diretora” que “não tinha poderes para propor

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.