Domingo, 24 de Outubro de 2021

Entrou em funcionamento centro de rastreio à Covid-19 em Vila Real

Unidade tem capacidade para realizar 100 testes diários e está instalado no centro de formação dos Bombeiros da Cruz Verde.

-PUB-

Já está em funcionamento o centro de rastreio à Covid-19 em Vila Real, que vai permitir a realização de 100 análises diárias e sem que seja necessário sair do carro.

Instalado no centro de formação dos Bombeiros da Cruz Verde, esta unidade permite, segundo disse o presidente da Câmara de Vila Real, “duplicar a capacidade de resposta neste concelho”.

“Com este centro de rastreio, duplicamos a capacidade de fazer testes no concelho de Vila Real. O hospital pode fazer cerca de 100 testes diários e aqui também 100 testes diários”, afirmou o autarca Rui Santos.

Neste centro de rastreio, as pessoas podem ir fazer o teste a pé ou de carro, sem ser preciso sair da viatura, e o processo demora apenas cerca de cinco minutos.

Estas instalações estão abertas das 08:00 às 17:00, de segunda-feira a domingo.

O autarca realçou que “apenas poderão recorrer a este centro de testes as pessoas que para ele sejam encaminhadas, quer pela Linha Saúde 24 quer por indicação médica”.

O projeto resulta de uma parceria do município com o Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Marão e Douro Norte e a corporação dos bombeiros da Cruz Verde e pode servir os concelhos limítrofes.

Em Vila Real, também o Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD) está credenciado como centro de testes covid-19.

“O concelho de Vila Real e a região ficam assim com uma capacidade acrescida de despistagem de covid-19, numa altura em que o combate à pandemia tem vindo a ser reforçado”, salientou o autarca.

Segundo o boletim epidemiológico de hoje da Direção-Geral da Saúde (DGS), o concelho de Vila Real contabiliza um total de 103 pessoas com covid-19.

No Lar de Nossa Senhora das Dores, localizado no centro da cidade, foram detetados 88 utentes e funcionários com o novo coronavírus, em 99 testes realizados pelo INEM.

Hoje, Rui Santos lamentou profundamente a morte de uma utente desta instituição, que tinha sido transferida para uma unidade hospitalar.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.