Sábado, 16 de Outubro de 2021

Estudantes do ICBAS realizaram rastreios de saúde

Nos dias 6 e 7 de março, os alunos de Medicina do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS), da Universidade do Porto, estiveram em Mesão Frio, percorrendo todas as freguesias do concelho, a realizarem rastreios de saúde gratuitos à população. 

-PUB-

través do projeto “Med On Tour”, anteriormente designado por “Medicina na Periferia”, desenvolvido e dirigido pela Associação de Estudantes, os jovens, em colaboração com a Câmara de Mesão Frio, avaliaram os fatores de risco para a saúde da comunidade, relativamente à obesidade, hipertensão arterial e diabetes.

Os futuros médicos, além de efetuarem medições do perímetro abdominal e da pressão arterial dos pacientes, calcularam o índice de massa corporal (IMC), avaliaram a glicemia capilar, alertaram para a elevada prevalência de doenças cardiovasculares na sociedade e sensibilizaram a comunidade para a adoção de um estilo de vida saudável, relembrando os principais fatores de risco, como o álcool, o tabagismo, o stress e a má alimentação.

Durante a manhã do primeiro dia, os jovens realizaram rastreios à população em geral, no pavilhão multiusos municipal e à tarde, aos idosos da Santa Casa da Misericórdia de Mesão Frio. O programa terminou no dia 7 de março, com os rastreios a serem realizados nas restantes Juntas de Freguesia.

Para a autarquia, a promoção de hábitos e de um estilo de vida saudáveis, bem como a vigilância da saúde dos seus munícipes, “são preocupações constantes, o que solidifica a parceria com a Associação de Estudantes do ICBAS”.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.