Terça-feira, 30 de Novembro de 2021

Falecimento do Padre António Augusto Moreno

Faleceu, com 102 anos, o Padre António Augusto Moreno, decano do presbitério da Diocese de Bragança-Miranda. 

-PUB-

Natural da freguesia de Ventozelo, no concelho de Mogadouro, fez os estudos teológicos nos Seminários de Vinhais e de Bragança.

Ordenado presbítero em 29 de junho de 1944, por D. Abílio Vaz das Neves, foi Pároco de Avelanoso, Vale de Frades e Angueira, no concelho de Vimioso. 

Paroquiou em S. Martinho, Cicouro e Especiosa, no concelho de Miranda do Douro. Em Mogadouro foi pároco em Vila de Ala com as anexas Santiago e Paçó, em Variz com a anexa de Vilariça. 

Em 2017, por ocasião do seu centenário natalício, D. José Cordeiro, D. Montes Moreira e cerca de duas dezenas de sacerdotes associaram-se numa homenagem que teve lugar na Catedral, em Bragança. «A sua lucidez é um testemunho luzeiro», salientava D. José Cordeiro.

Jubilado, residia na Fundação Betânia, em Bragança, e foi graças a ele que se começou o Instituto Diocesano do Clero (IDC). «Ele é que foi a fonte inspiradora para este modelo que queremos do IDC e da casa sacerdotal”, revelava o Prelado, na altura, em declarações ao jornal diocesano.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.