Sexta-feira, 7 de Maio de 2021

GNR de Vila Real apoia população mais idosa

Militares estão a promover a iniciativa “Idosos em Segurança” no sentido de proteger os mais idosos, pela maior vulnerabilidade que apresentam.

O Covid-19 está a afetar a população em geral, mas os mais idosos pertencem ao grupo de risco e os todos os cuidados são poucos.

O Comando Territorial da GNR de Vila Real, através das Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário, tem feito visitas domiciliárias essencialmente a idosos que vivam isolados ou sozinhos sem retaguarda familiar. Os militares têm transmitido conselhos de segurança relacionados com o coronavírus e tem prestado auxílio relativamente ao transporte de bens alimentares e medicamentos com o intuito de facilitar o cumprimento do seu confinamento ao domicílio.

A GNR colocou ainda os contatos das Secções de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário à disposição de toda a comunidade, em particular da mais envelhecida, manifestando a disponibilidade para ajudar a suprimir as necessidades que venham a sentir.

Ficam os contatos:

– Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário do Destacamento Territorial de Chaves – 961 194 302 (Concelhos de Chaves, Boticas, Montalegre e Valpaços)

– Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário do Destacamento Territorial de Peso da Régua – 961 194 319 (Concelhos de Alijó e Sabrosa) e 961 194 333 (Concelhos de Mesão Frio, Peso da Régua e Santa Marta de Penaguião)

– Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário do Destacamento Territorial de Vila Real – 961 194 301 (Concelhos de Vila Real, Mondim de Basto, Murça, Ribeira de Pena e Vila Pouca de Aguiar)

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.