Segunda-feira, 25 de Outubro de 2021

Hospital de Vila Real integra rede de diagnóstico da Covid-19

A unidade hospitalar de Vila Real passou a integrar a rede para o diagnóstico da covid-19. A informação foi avançada pelo Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD).

-PUB-

A notícia chegou depois de Rui Santos e Nuno Vaz, presidentes das câmaras municipais de Vila Real e Chaves, respetivamente, terem exigido a inclusão do centro hospitalar na rede.

“Foi um grande avanço. Foi uma atitude inteligente de quem tem responsabilidade no país que percebeu que aquilo que tinha decidido anteriormente não fazia qualquer sentido”, afirmou o autarca Rui Santos, para quem esta medida "foi de bom senso atendendo às circunstâncias do país” e é “uma boa notícia para todos os transmontanos e durienses”.

Na terça-feira, Rui Santos considerou “inconcebível” que a região transmontana tivesse sido excluída da rede de laboratórios para o diagnóstico da covid-19 e exigiu uma revisão da medida que incluísse o centro hospitalar.

Já esta quarta-feira, o autarca de Chaves, Nuno Vaz, realçou ser inaceitável que seja preciso esperar “três ou quatro dias” para saber a resposta relativamente a possíveis infetados.

Nuno Vaz referia-se ao facto de a região transmontana ter sido excluída da rede de laboratórios para o diagnóstico da covid-19, que se estava a realizar no Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD) e que tinha sido “centralizado para Lisboa”.

Quanto ao hospital de Chaves, o autarca flaviense queixou-se da falta de testes para a covid-19 naquela unidade. Em comunicado, o CHTMAD explica que “a unidade hospitalar de Chaves realiza colheitas de amostra biológicas no âmbito da covid-19”.

Nuno Vaz tinha referido ainda que a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega (CIM Alto Tâmega) manifestou a disponibilidade para oferecer três ventiladores ao Hospital de Chaves e recebeu a resposta do CHTMAD de que não eram necessários, e que a unidade de Chaves não tem essa necessidade.

No mesmo comunicado, o Conselho de Administração "agradece a iniciativa”, mas informa que "o concurso para aquisição de ventiladores já está em fase adiantada e, quando concluído, o CHTMAD ficará com os equipamentos necessários às suas necessidades”.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.