Segunda-feira, 6 de Dezembro de 2021

Individualidades marcaram a diferença

Com objetivos diferentes no campeonato, as duas equipas entravam em campo a necessitar de pontos.

-PUB-

FUTEBOL I LIGA

Enquanto os transmontanos procuravam somar mais pontos para a fuga aos sempre incómodos lugares de despromoção, o Sporting, conhecedor da derrota do Braga, procurava atacar um lugar no pódio.

O jogo começou com a equipa lisboeta a assumir as despesas do jogo, embora este se tenha desenrolado a um ritmo pouco intenso. Houve sempre mais Sporting perante um Chaves bastante organizado e que não concedia muita liberdade ao seu adversário. De resto, a primeira parte teve poucos momentos de interesse.

Depois de Acuña, logo na fase inicial (1’) ter gozado de rara liberdade para rematar à baliza flaviense, os leões adiantaram-se no marcador aos 24’, com Luiz Phellype a desviar para as redes um

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.