Terça-feira, 15 de Junho de 2021

Pedro Silva Pereira e Altamiro Claro na lista do PS às Europeias

A Comissão Política Nacional do Partido Socialista aprovou, na semana passada, a lista dos candidatos às próximas eleições europeias de 26 de maio.

-PUB-

O atual eurodeputado Pedro Silva Pereira será candidato a um segundo mandato cuja duração é de cinco anos. Eleito nas últimas eleições europeias de 2014, Pedro Silva Pereira assume um papel de destaque ocupando, desta vez, o terceiro lugar da lista encabeçada pelo ex-ministro, Pedro Marques. Pedro Silva Pereira, ministro da Presidência nos XVII e XVIII Governos Constitucionais, foi eleito em três mandatos na lista de deputados do PS pelo círculo eleitoral de Vila Real.

Durante o seu mandato, o eurodeputado liderou, em representação do Parlamento Europeu, vários dossiês de grande relevância política destacando-se: a recomposição do Parlamento Europeu no contexto do Brexit; a conclusão do Acordo de Parceria Económica entre a EU-Japão e a negociação referente à proposta para a criação do Fundo Monetário Europeu.

O distrito de Vila Real conta com um outro candidato ao Parlamento Europeu. Altamiro Claro, professor aposentado, atual presidente da Assembleia Municipal de Chaves e Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Valpaços ocupará o terceiro lugar na lista de candidatos suplentes. Altamiro Claro, natural de Valpaços, desenvolveu grande parte da sua vida profissional no concelho de Chaves, onde foi vereador e presidente da Câmara Municipal.

A Federação Distrital de Vila Real do PS congratula-se com a integração de Pedro Silva Pereira e Altamiro Claro na lista de candidatos às eleições europeias.

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.