Quarta-feira, 17 de Agosto de 2022

Polícia deteve “um dos principais traficantes” da cidade

O homem, que já estava indiciado por tráfico, foi apanhado em flagrante delito ao final da tarde na Avenida 1º de Maio. A PSP acredita que a cidade está agora “mais segura” ao ver-se livre do seu principal traficante. No último fim de semana, a PSP levou ainda a cabo a operação “Portugal é Segurança”, no âmbito da qual realizou 138 testes de álcool e controlou a velocidade de 523 viaturas.

-PUB-

A Polícia de Segurança Pública (PSP) de Vila Real anunciou, no dia 16, a detenção de um homem, de 52 anos, responsável por uma “grande parte da heroína, cocaína e metadona” comercializada na cidade capital de distrito.

Em comunicado, aquela força de segurança explicou que o indivíduo foi detido ao final da tarde da última quinta-feira, na Avenida 1º de Maio, depois de vários meses de investigação. “Foi detido em flagrante quando vendia heroína a dois consumidores, depois de ter regressado do Porto, onde adquiriu a droga”, relatou a Polícia.

O suspeito, que já anteriormente tinha sido detido pela prática do mesmo crime, é considerado pela PSP como um dos “principais traficantes” da cidade, tendo sido mesmo decretada pelo Tribunal Judicial de Vila Real a prisão preventiva como medida de coação.

“É conhecido pela astúcia e extremo cuidado em passar despercebido, sendo comum executar manobras de contra vigilância quando se apercebia que estava a ser alvo de controlo”, relatou a Policia relativamente ao homem. Na operação foram apreendidas “algumas doses de cocaína e heroína e uma determinada quantia em dinheiro”.

“Com esta detenção, a cidade vai ficar mais segura e livre de um dos seus principais traficantes”, garante a PSP.

O Comandando Distrital PSP de Vila Real, que tem como área de atuação as cidades de Vila Real e Chaves, revelou também, no dia 20, os resultados da operação “Portugal é Segurança”, que decorreu entre os dias 17 e 19 e que teve como objetivo principal a sensibilização e fiscalização rodoviária.

Assim, entre sábado e segunda-feira, foram assim submetidos ao teste de alcoolemia 138 condutores, tendo sido detidas oito pessoas que apresentaram taxa igual ou superior a 1,20 gramas/litro.

No radar foram controladas 523 viaturas, tendo-se registado 105 autos de contraordenação por excesso de velocidade.

O balanço da operação revela ainda três detenções por mandado judicial e uma por posse de estupefacientes (apreendidas cerca de 40 doses individuais de heroína).

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.