Segunda-feira, 27 de Setembro de 2021
© DR

Sabrosa acolhe concurso mundial disputado por azeite de 10 países

Cem amostras de azeite de 10 países vão estar a concurso no Brazil International Olive Oil Competitition (Brazil iOOC), um dos maiores eventos mundiais do setor que decorre entre segunda e terça-feira, em Sabrosa, anunciaram hoje os promotores.

-PUB-

A Quinta do Portal, em Sabrosa, distrito de Vila Real, vai ser a anfitriã da terceira edição do concurso gastronómico que vai ter a concurso amostras de azeites de Portugal, Argentina, Brasil, Chile, Espanha, Estados Unidos da América, Itália, Tunísia, Turquia e Uruguai.

Segundo a organização, “devido ao contexto pandémico no Brasil” o evento decorre simultaneamente num restaurante da cidade de São Paulo.

A Brazil iOOC “procura a excelência dos bons azeites, com grande harmonia de aromas e paladar, para orientar os consumidores de diferentes mercados sobre a cultura do produto, conhecimento, qualidade e sabor”.

A avaliar as amostras a concurso estarão, de acordo com os promotores, “18 dos maiores especialistas em azeite virgem extra do mundo”.

A Quinta do Portal já foi distinguida por duas vezes neste concurso.

O azeite virgem extra premium foi o vencedor da edição de 2019, realizada em São Paulo, e, em 2020, recebeu também o prémio de “Best Design”, pela sua rotulagem e embalagem, ficando no top 10 e tendo sido considerado o melhor português em concurso.

Depois de vários anos a produzir azeite para consumo nos seus espaços de restauração, a Quinta do Portal concretizou uma “aposta mais séria” na olivicultura a partir de 2017, com duas novas plantações de olival, uma em bordadura e outra em sistema contínuo.

Esta empresa dedica-se desde 1990 à produção de vinho do Porto e de mesa.

Portugal é um dos grandes produtores mundiais de azeite. Segundo dados da Casa do Azeite, em 2020, as exportações nacionais ultrapassaram as 200 mil toneladas e o consumo interno cresceu 10,5 por cento.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.