Sexta-feira, 19 de Julho de 2024
No menu items!




Transmontano morre na guerra da Ucrânia

João Luís Chaves Natário, com nacionalidade portuguesa e francesa, morreu num ataque russo que aconteceu ontem a uma zona ucraniana.

-PUB-

O homem, de 38 anos, era natural de Macedo de Cavaleiros, mas antes da guerra vivia em França, onde os pais estão emigrados há vários anos.

A informação da morte deste transmontano foi confirmada à VTM pelo comandante dos bombeiros de Macedo de Cavaleiros, João Venceslau, revelando que “foi uma prima do Rico que ligou para a corporação a dar a notícia da sua morte”.

O comandante adiantou ainda que ele foi bombeiro na corporação macedense entre 2003 a 2007.

O ex-bombeiro faria parte da Legião Estrangeira Francesa. Em 2022, após a invasão russa da Ucrânia, decidiu viajar para aquele país de Leste, onde integrava a linha da frente do combate do lado ucraniano.

Na sua página de Facebook, Rico Chaves dizia estar integrado no batalhão Karpatskaya Sich.

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS