Quinta-feira, 7 de Julho de 2022

Três cachorrinhos precisam de uma casa

À entrada da aldeia de Abobeleira, freguesia de Mouçós, concelho de Vila Real, uma cadela deu à luz três cachorrinhos que precisam urgentemente de um lar para viver.

O apelo é deixado por Vítor Ferreira, que tem cuidado dos pequenos desde que nasceram há cerca de três meses. “São filhos de uma cadela, a Rosita, que foi abandonada há mais de nove anos aqui perto da Autoestrada 4”, conta este morador de Abobeleira, que desde essa altura tem ajudado a cadela e as suas crias, no entanto é uma situação que não pode continuar a suportar, até porque em casa tem já nove cães para tratar.

Vítor Ferreira gosta muito de animais, por isso apelou à Plataforma ProAnimal para ver se poderiam vir recolher os ‘filhos’ da Rosita, mas compreende que tenham muito trabalho e não possam ajudar todos os cães abandonados. Agora, espera que as pessoas vejam este apelo no jornal para que alguém fique com os pequenos caninos, que “são meigos, brincalhões e só precisam de um lar para serem mais felizes”.

Todos os dias, este morador na zona traz comida e água aos cachorros, que estão “escondidos” num terreno perto da estrada que dá acesso à aldeia. “São muito bonitos e fofinhos, gostava muito que alguém cuidasse deles com carinho e atenção, como precisam”, apela este defensor dos animais.    

Ao longo dos nove anos que conhece a Rosita, Vítor tudo tem feito para a ajudar, mas agora são os ‘filhotes’ dela que precisam de encontrar alguém que os trate bem, por isso deixa o seu contacto para quem os queira adoptar: 919279233.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.