Domingo, 17 de Outubro de 2021

Autarquia lança campanha de incentivo ao consumo de produtos concelhios

«Consuma Local» é o nome da campanha que o Município lançou, de incentivo ao consumo de produtos agrícolas e de pecuária produzidos no concelho.

-PUB-

Para o efeito, está já a ser criada, uma base de dados com todos os produtores interessados em participar, e assim escoar os seus produtos. “Sabemos das dificuldades sentidas por muitos produtores nesta fase, razão pela qual queremos servir de elo de ligação entre quem produz e quem pretende comprar mas, neste momento, não pode sair de casa”, refere o presidente da autarquia, Benjamim Rodrigues.

Para facilitar este intercâmbio comercial entre produtor e consumidor final, o autarca explica que a Câmara Municipal está a contactar os produtores do concelho “e a fazer um levantamento dos produtos que têm para venda”. Posteriormente “será criada uma base de dados com os contactos a divulgar na página da autarquia, nas nossas redes sociais, assim como pelos presidentes de junta de freguesia, de forma a facilitar a ponte com os produtores agrícolas e de pecuária”.

“Na nossa região estamos, naturalmente, a falar de produtores que até aqui vendiam para pequenas superfícies comerciais ou mesmo para o consumidor final”, sustenta Benjamim Rodrigues. Mesmo assim, frisa, “já se inscreveu cerca de uma dezena de produtores”.

Consciente da estrutura demográfica do setor primário no concelho, o autarca acrescenta que, “através do Gabinete de Empreendedorismo e Desenvolvimento Rural (EDRU), estão já a ser feitos contactos com as pessoas que vivem da terra e da criação de gado e que, como sabemos, não têm redes sociais nem usam a internet”.

Ainda de acordo com Benjamim Rodrigues, esta iniciativa já começou a surtir efeitos. “Os técnicos do EDRU foram contactados por uma grande superfície do concelho que quer saber que produtos e quantidades os nossos produtores têm para venda, estando em cima da mesa a possibilidade de comprarem parte desses produtos”, revela Benjamim Rodrigues, acrescentando que “é este espírito de entreajuda no território que pretendemos incentivar e que está na base do desafio lançado pela ministra da Agricultura e que serviu de inspiração para o lançamento do “Consuma Local”. Quem sabe se não será possível replicar esta iniciativa após o final de todas as restrições impostas por esta crise sanitária”.

Dos contactos estabelecidos até ao momento, o EDRU revela que os principais produtos disponíveis são os queijos, azeite e morangos. Do trabalho no terreno que irá ser feito nos próximos dias e semanas espera-se que seja igualmente possível acrescentar a criação de animais.

“Estou convicto de que esta iniciativa vai ser um sucesso e que assim iremos evitar que muitos agricultores sejam obrigados a deitar fora o que produzem por não terem quem lhes compre os produtos”, admite Benjamim Rodrigues. “Os produtos locais têm muita qualidade e faz todo o sentido que compremos o que é nosso, até porque, assim, estamos a animar o nosso mercado interno e a enriquecer a economia do concelho”, conclui.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.