Sexta-feira, 22 de Outubro de 2021

BE exige que Governo reabra serviços públicos no Interior

Depois de ter nascido mais uma criança a caminho do hospital, num parto que teve de ser feito pelo próprio pai da criança, em pela Autoestrada 4, no cruzamento do Azibo, o Bloco de Esquerda (BE) exige ao Governo a reabertura de serviços públicos no interior do país.

-PUB-

Em comunicado, a Comissão Coordenadora Distrital de Bragança do BE refere que o elevado número de nascimentos em ambulâncias, e neste caso no veículo dos próprios pais, “não é um acaso e tem-se manifestado sistematicamente por todo o país, desde o encerramento de inúmeras maternidades”.

Relativamente ao distrito de Bragança, o partido diz que o encerramento da maternidade de Mirandela, em 2006, deixou a região apenas com uma deslocalizada no norte do distrito, negligenciando as populações dos concelhos mais a sul, uma situação que o BE considera “inadmissível”, sobretudo para a população de Freixo de Espada à Cinta, que está a aproximadamente duas horas de distância do hospital de tratamento.

Para o Bloco, estes consequentes encerramentos e

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.