Sábado, 12 de Junho de 2021

Casino já tem quiosque digital para chamar táxis

Serviço vai estar disponível 24 horas, sete dias por semana.

-PUB-

A ANTRAL, Associação Nacional de Transporte Rodoviário em Automóveis Ligeiros, instalou um quiosque digital no Casino de Chaves onde, os clientes poderão chamar um táxi, necessitando apenas de colocar o nome, número de telefone e escolher a forma de pagamento (numerário, multibanco ou cartão de crédito) da viagem. Depois é só esperar que o carro pare à porta do casino para os levarem ao seu destino.

“Era muito difícil por vezes, à noite, apanhar táxis nesta zona e as pessoas também não tinham como o chamar”, referiu Pedro Barata, responsável de marketing da ANTRAL.

O serviço já tem três anos e Chaves junta-se assim ao lote de 100 concelhos do país a ter um quiosque digital.

“É um ponto importante e uma cidade importante, com proximidade a Espanha”, referiu Pedro Barata explicando que o objetivo é “devolver o táxi à sociedade e trazer mais serviços ao setor do táxi”, que registou quebras de 80% devido à pandemia.

O serviço está associado à aplicação Izzy Move, também desenvolvida pela ANTRAL, e que está agora disponível em Chaves, com o registo de 20 carros.

Élio Domingues é um dos taxistas registados na aplicação que acredita que “será uma mais valia não só para os motoristas”, mas também para todos aqueles que pretendam usufruir do serviço. “É uma inovação para o serviço de táxis da cidade”.

Orlando Osório, taxista há 30 anos, é mais cético quanto à nova tecnologia, mas aderiu. “Se vai ser bom só o futuro o dirá, mas não nos podemos esquecer que 80% da população do concelho tem mais de 80 anos e essas pessoas não utilizam essas tecnologias”, atirou o também delegado concelhio da ANTRAL.

Mesmo que não esteja no casino, poderá usufruir do serviço através da aplicação Izzy Move, descarregando-a para o seu telemóvel, ou ligando o número 276 109 109.

 

Mais desenvolvimentos na próxima edição de 15 de outubro

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.