Segunda-feira, 6 de Dezembro de 2021

Concurso hípico atraiu centenas de pessoas à vila

Tiago Marquilhas foi o grande vencedor do concurso internacional de saltos de cavalos. A modalidade está em crescimento na região

-PUB-

Foram três dias de muito entusiasmo e emoção. Entre sexta-feira e domingo, o Centro Hípico de Pedras Salgadas cumpriu a tradição e recebeu, uma vez mais, um concurso internacional de saltos de cavalos, trazendo à mítica vila centenas de aficionados que não quiseram perder o grande evento de equitação do ano, que teve como vencedor João Marquilhas. 

O português foi o grande vencedor do CSI** Pedras Salgadas, numa prova concluída em apenas 50 segundos e 56 centésimos, tendo sido o único conjunto com zero faltas no Grande Prémio Município de Vila Pouca de Aguiar.

Com as bancadas repletas, sob uma avalanche de aplausos, João Marquilhas subiu ao pódio na primeira posição, seguido de Tiago Morais, em segundo com dois pontos de penalização e o tempo de 62.66) e de Duarte Seabra, que arrecadou o 3º e 4º lugar, bem como de Hugo Carvalho, que terminou na 5ª posição. 

Perante um ambiente “fantástico”, em que o Concurso Hípico de Pedras Salgadas celebra 90 anos, o presidente da câmara municipal, Alberto Machado, não escondeu a sua grande satisfação, enaltecendo a prestação do público que classificou como “magnífica”, ao mesmo tempo que sublinhou a “honra em ser transmontano e aguiarense”. “Quem nunca mais se esquece deste

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.