Quarta-feira, 20 de Outubro de 2021

Feira de emprego com edição exclusiva para universitários

Estudantes e recém-formados poderão, sem sair de casa (ideal para esta fase de quarentena) preparar o seu futuro no mercado de trabalho.

-PUB-

Vem aí uma feira de emprego 100% dedicada ao público universitário! O Job Summit – maior evento online de recrutamento em Portugal – está de volta e a segunda edição de 2020 é focada em estudantes do Ensino Universitário e recém-formados.

Nos dias 15 e 16 de abril, entre as 9h00 e as 20h00, estudantes e recém-formados poderão conversar com centenas de recrutadores e interagir com estes em tempo real, através de salas de chat e sem sair de casa. Até o momento estão confirmadas 16 empresas de diferentes sectores. As inscrições para candidatos são 100% gratuitas e podem ser feitas facilmente no site do evento.

Para além de poderem conversar em direto e em tempo real com os recrutadores, durante a feira virtual de emprego, os candidatos poderão agendar entrevistas, ficar a conhecer as culturas empresariais das organizações participantes através dos conteúdos presentes nos seus stands virtuais (apresentações, imagens e vídeos) e candidatar-se a ofertas de emprego.

Até ao momento estão inscritos mais de 3300 candidatos que poderão interagir e candidatar-se às ofertas de emprego de 16 empresas participantes, para diferentes perfis profissionais.

Job Summit – empresas confirmadas

Durante os dois dias do evento profissionais de recursos humanos e recrutamento estarão online para falar em tempo real com os alunos e recém-formadas. Conheça as empresas confirmadas até o momento: Betting Connections; BNP Paribas; Caixa Geral de Depósitos; Claranet; EDP; Everis; Finders; Fujitsu; Inditex; Lactogal; Kelly Services; Mercer; OpenSoft; SpotOn Connections; Voltalia e Zurich.

 

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.