Sexta-feira, 7 de Maio de 2021
© DR

GCVR conquista cinco medalhas no Meeting de Felgueiras

O Ginásio Clube Vila Real esteve representado por duas atletas, Ana Margarida Guedes e Carolina Eira, no Meeting de Felgueiras

Competição realizada nos dias 10 e 11 abril contou com a participação de 321 atletas em representação de 30 clubes. Da parte do GCVR, com ambas as nadadoras a competir no escalão de juniores e seniores, a destacar a obtenção de cinco medalhas e quatro recordes pessoais.

Ana Margarida Guedes foi um dos destaques da competição ao vencer três provas. No primeiro dia de provas, começou por vencer os 100 metros Mariposa com a marca de 59.13, seguindo-se os 50 metros Bruços com o recorde pessoal de 33.24. No segundo dia de competição, a nadadora do GCVR venceu a prova de 50 metros Mariposa 26.68 ficando a três décimas de segundo do recorde nacional absoluto que já lhe pertence. Carolina Eira também esteve em grande plano ao conquistar duas medalhas e registando recordes pessoais em todas as provas. A nadadora do GCVR foi terceira classificada nos 50 metros Costas com o tempo de 31.06 e novamente terceira classificada nos 100 metros Costas com a marca de 1.05.33. Carolina Eira foi ainda oitava classificada nos 50 metros Livres com o tempo de 28.43.

No contexto que atualmente se vive em Portugal e no mundo, e que muito tem limitado a prática desportiva, o GCVR e os seus atletas têm desenvolvido todos os esforços para que consigam continuar a trabalhar e a desenvolver as suas capacidades, em que tem contado o apoio da Câmara de Vila Real.

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.