Sábado, 19 de Junho de 2021

GNR e Guardia Civil definem estratégias para combater criminalidade

A Guarda Nacional República (GNR) e a Guardia Civil estiveram reunidas na vila do Pinhão a concertar estratégias de cooperação, onde analisaram a atividade desenvolvida ao longo deste ano, marcado pela pandemia da Covid-19.

-PUB-

O Acordo de Schengen criou um espaço sem fronteiras internas entre os Estados membros da União Europeia, permitindo a livre circulação de pessoas e bens, o que trouxe novas implicações no domínio da segurança. Por isso, as autoridades policiais dos dois países ibéricos fazem reunião semestrais para “avaliar a atividade”, de forma a diminuir a criminalidade, como explicou à VTM o comandante Pereira Leal, da GNR de Vila Real. “Com base no acordo luso espanhol, as autoridades portuguesas e espanholas efetuam com regularidade controlos transfronteiriços de pessoas e mercadorias”, adiantando que o objetivo passa por “avaliar a atividade desenvolvida, procurar os constrangimentos no sentido de serem dirimidos e de se poder fazer um controlo transfronteiriço

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.