Quinta-feira, 27 de Janeiro de 2022

GNR resgata cão ferido

-PUB-

Em comunicado, o Comando Territorial informou que, "no seguimento de uma denúncia de que um canídeo estava ferido", os militares da Guarda deslocaram-se de imediato para o local.

Após localizarem o animal, "constataram que tinha ficado preso numa armadilha proibida de caça, conhecida como laço, pelo que foi recolhido devido aos ferimentos", lê-se na mesma nota, que indica ainda que o cão foi "avaliado pelo veterinário municipal e encaminhado para o Hospital Veterinário da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD)", para lhe serem prestados os cuidados veterinários e sanitários necessários.

Os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Moimenta da Beira, depois de ter sido elaborado um auto de notícia por crime de caça com recurso a meios proibidos.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.