Sexta-feira, 17 de Setembro de 2021

Idosos “mais seguros e menos isolados”

Este é o objetivo do projeto “Abordagens Integradas para a Inclusão Ativa”, realizado em parceria pelos municípios de Murça, Tabuaço e São João da Pesqueira e Instituições de Solidariedade Social

-PUB-

A autarquia de Murça está a desenvolver um projeto piloto de inovação social e animação territorial de inclusão ativa junto da população sénior.

Em comunicado, o município explica que “a iniciativa consiste na implementação de um processo que permite à população sénior do concelho ver melhorada a sua segurança”, ao mesmo tempo que “vê diminuídas as situações de potencial risco e é promovida a autonomia pessoal de cada um deles”.

Na nota enviada às redações lê-se que “este projeto inovador oferece soluções tecnológicas para responder às necessidades de conforto e segurança”, destacando-se a instalação, em cada habitação, de um sistema de domótica, que permite minimizar ou ultrapassar algumas dificuldades com que as pessoas mais idosas se deparam no dia-a-dia.

“A iluminação de cada divisão da casa passa a ser controlada automaticamente de acordo com as necessidades do utilizador, evitando acidentes em divisões que tinham, até então, menos luz”, exemplifica, acrescentando que “a iluminação é ativada através do movimento da pessoa à medida que anda pela casa”.

Além disto, indica a autarquia, “este sistema permite detetar mudanças de temperatura, permitindo uma resposta de emergência, como incêndios”.

Assim sendo, e numa primeira fase, serão contemplados 20 idosos do concelho que vivem sozinhos e que terão a oportunidade de estar ligados a uma rede de proximidade, criada com a ajuda “de familiares mais diretos e pelos técnicos de ação social do município, em articulação com a Guarda Nacional Republicana e os diversos parceiros sociais e voluntários”.

O projeto “Abordagens Integradas para a Inclusão Ativa” é liderado pelo município de Murça, conta com a parceria dos municípios de Tabuaço e São João da Pesqueira e também dos Centros Sociais e Paroquiais de Castanheiro do Sul e Trevões.

Com este projeto, o município de Murça procura “dar mais autonomia aos idosos”.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.