Quarta-feira, 6 de Julho de 2022

Incêndios de julho e agosto, reconhecidos como “causa natural”, contam com apoio financeiro do Estado

Governo cria apoio financeiro de 10 milhões de euros para agricultores afetados pelos incêndios nos meses de julho e agosto. As candidaturas podem ser submetidas até 30 de novembro.

Face ao flagelo dos incêndios, que provocou danos por todo o território nacional, causando inúmeras vítimas, o governo deliberou criar um apoio financeiro, avaliado em 10 milhões de euros, para agricultores afetados pelos incêndios florestais de julho e agosto. 

Este apoio, publicado no Diário da República (DR), resulta do reconhecimento, por parte do governo, da dimensão e da gravidade dos danos causados pelos incêndios, em 30 concelhos, como “catástrofe natural”. Esta nomeação faz com que este apoio possa restituir e reedificar todo o potencial relativo às produções agrícolas afetadas, bem como, animais, plantações, máquinas, equipamentos, armazéns, e outros utensílios de construção atinentes à produção agrícola. 

Para a obtenção do apoio, os danos que abrangeram as várias explorações

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.