Domingo, 3 de Julho de 2022

João Gonçalves, presidente da CM de Carrazeda de Ansiães

VTM - Qual é a sua primeira medida que quer implementar no concelho? 
João Gonçalves -A nossa prioridade é continuar o projeto do Centro de Apoio Empresarial (CAE), que irá funcionar no antigo mercado municipal. Queremos instalada lá uma incubadora de empresas, com projetos inovadores de jovens empreendedores. 

O que podem esperar os munícipes nos próximos quatro anos?
Os pilares essenciais com que me apresentei aos eleitores passam pelo apoio às atividades económicas. Além do CAE, é necessário ampliar a zona oficinal e artesanal, de forma a criar mais emprego e fixar mais empresas. Mas há muitas outras áreas que queremos desenvolver, como o turismo, por exemplo. 

A desertificação e o envelhecimento da população são grandes desafios do interior. O que poderá fazer um presidente de câmara de um pequeno concelho transmontano para fixar aqui população?
Temos de puxar pelas atividades económicas para as empresas se fixarem cá. Temos de ter em consideração que as pessoas que cá trabalham e vivem não chegam. A

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.