Sábado, 25 de Maio de 2024
No menu items!

Municípios reagem e implementam medidas de limpeza

Os municípios da Terra Quente Transmontana, afetados pela greve dos trabalhadores da empresa que faz a recolha do lixo, já reagiram e implementam medidas para minimizar os efeitos que a situação pode causar junto das populações.

-PUB-

Os cinco concelhos –  Mirandela, Carrazeda de Ansiães, Macedo de Cavaleiros, Vila Flor e Alfândega da Fé – têm os contentores atestados de lixo há uma semana e prevê-se que a situação se mantenha até ao final do ano.

Na origem da greve está o descontentamento dos mais de 20 trabalhadores que temem perder o emprego sem serem indemnizados ou que não sejam transferidos, com os mesmos direitos, para a nova empresa (Ferrovial), uma vez que a FCC Enviroment, S. A. termina a 31 de dezembro o contrato de prestação de serviços com a Resíduos do Nordeste.  

Numa época em que a quantidade de lixo, em situações normais, abunda, com a entrada em greve dos trabalhadores

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS