Quarta-feira, 18 de Maio de 2022

Resultado exagerado

Constantim, 0 | Vidago, 3

O Vidago entrou determinado em vencer. Aos 6’, Bruno Silva obriga o guarda-redes a defesa atenta. Na jogada seguinte, Paixão remata ao poste. Apesar da superioridade, os forasteiros encontravam uma defesa coesa. Aos 37’, Fernando Correia atrasa o esférico para o seu guardião com este a tentar desviar o esférico, não consegue e o esférico entra na baliza.

Na segunda parte, o Constantim tenta alterar o rumo dos acontecimentos e Mário Louzada cruzou, mas ninguém apareceu para o desvio. Aos 65’, Mário Louzada cobra um canto, com Paulo Nunes a obrigar Tiago Guedes a grande intervenção. Bruno Batista mexeu no seu xadrez em boa altura, já que, aos 78’, Nuno Albano e, aos 84’, Paixão acabaram por fechar as contas. Com apenas dois elementos no banco, o Constantim pouco mais podia aspirar. Apesar da derrota, dignificaram as camisolas.


FICHA DE JOGO

Jogo no Estádio do Cruzeiro, em Constantim
Árbitro: Luís Silva
Auxiliares: José Barros e Fernando Nunes

CONSTANTIM: Pedro Rodrigues; João Taveira (Zé Castro, 75’), Renato Alves, Fernando Correia e Paulo Nunes; Nuno Carvalho (Levi Leandro, 80’), Mário Louzada e Miguel Pimenta; Carlos Borges, Luís Peixoto e Valentin Ribeiro
Treinador: Bruno Ferreira

VIDAGO: Tiago Guedes; Miguel Sousa (Meireles, 68’), Gabi, Juninho (Pedro Guedes, 85’) e Paixão; Nuno Abreu, Joni (Luís Borges, 85’) e Nuno Albano; Marcelio, Solas e Bruno Silva (Jorginho, 62’)
Treinador: Bruno Batista

Ao intervalo: 0-1
Cartão amarelo: Miguel Sousa (61’)
Marcadores: Fernando Correia (37’ p.b.), Nuno Albano (78’) e Paixão (84’)

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.