Terça-feira, 7 de Dezembro de 2021

Romance relata uma das páginas mais importantes da história de Portugal

Obra do valpacense Manuel Catumba conta a história, entre outras, de um casal de portugueses que, com a guerra colonial, foi obrigado a retornar à terra natal, em Portugal.

-PUB-

É a primeira obra de Manuel Catumba, natural do Lobito, em Angola, mas valpacense de coração, que “finalmente” decidiu pegar nas suas “pequenas histórias soltas”, criar uma só, e torna-la pública. 

“O Padre Simão e as visões da cega” trata-se de uma narrativa em que o autor, tendo como pano de fundo a guerra colonial e o regresso dos portugueses das ex-colónias, conta a história de várias personagens num enredo que, apesar de abordar uma das mais importantes páginas da história de Portugal, é sobretudo ficcionado. 

“Não é um romance histórico, é uma ficção pura pontuada por alguns momentos que marcaram a história de Portugal e relata algumas contingências dos últimos 60 anos”, explicou o autor da

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.