Domingo, 26 de Setembro de 2021

Um ideal em cada ano renovado

Em 24 de outubro de 1945, na cidade norte-americana de São Francisco, foi assinada por 51 estados fundadores a Carta das Nações Unidas. Cinco desses estados (China, França, Estados Unidos, Inglaterra e a então designada União Soviética) – atualmente, também o Japão e a Alemanha reivindicam esse estatuto – eram membros permanentes do Conselho de Segurança, organismo (hoje constituído por 15 membros) nascido da necessidade de articular as políticas de caráter militar e relações novas emergentes do fim da segunda guerra mundial.

-PUB-

O objetivo inicial da Carta era dotar as relações internacionais de uma base orgânica mundial que permitisse, fundamentalmente, a relação pacífica (e na base do direito internacional) dos conflitos entre as nações.

DO PRINCÍPIO ATÉ AOS FINS

Quando a ONU celebra, no dia 24 de outubro de 2020, setenta e cinco anos de porfiada atividade em prol do equilíbrio mundial, nem sempre estas missões foram objetivamente compreendidas e incentivadas.

O jornalista Joaquim Fidalgo referia, no “Jornal de Notícias” de 24 de outubro de 1981: 

“A ONU já possui um longo período em que foi utilizada na consolidação da política hegemónica das grandes potências. Ainda hoje funciona com o gigantismo e o peso das suas várias instituições como um feixe

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.