Quarta-feira, 20 de Outubro de 2021
©DR

12 milhões de euros para “revolucionar” zona urbana

A autarquia de Lamego anunciou que vai investir 12 milhões de euros para “revolucionar” a zona urbana do concelho.

-PUB-

Em comunicado, o município revela que lançou um plano de fundo de renovação urbana que vai requalificar e construir diversos equipamentos, entre os quais parques, passeios, vias e outros acessos, sendo que algumas destas obras já estão em curso ou já foram adjudicadas. “No centro da cidade de Lamego há já sinais dessa profunda revolução urbana”.

Apoiada em fundos comunitários do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), os 11 novos projetos de melhoramentos urbanísticos têm como objetivo “melhorar a qualidade de vida dos munícipes e de dotar a cidade de infraestruturas modernas e sustentáveis”.

A câmara municipal adianta que a aposta neste plano de desenvolvimento tem “em consideração áreas essenciais, como a regeneração urbana, a mobilidade, o ambiente e o apoio à população”.

As intervenções passam por criar um Circuito pedonal – Relógio do Sol – de acesso ao centro urbano, requalificar o espaço público do Bairro de Alvoraçães, assim como o Largo dos Bancos. Será também reabiliado o Centro Cívico de Lamego e construído o Parque Urbano.

Outras obras passam pela requalificação do Espaço Mártir de S. Sebastião e Medelo, da Rua Visconde de Arneirós e zona envolvente, assim como o Bairro de Nazes, da Casa do Horto e da Torre dos Figos.

Irá ainda ser construída uma passagem do Escadório do Santuário de Nª. Srª. dos Remédios.

O presidente da Câmara Municipal de Lamego, Ângelo Moura, salienta que este conjunto de intervenções “vão trazer uma nova vida à cidade, tanto ao nível paisagístico e urbanístico, como ao nível da qualidade de vida dos munícipes permitindo o usufruto de uma cidade mais moderna, com conforto e segurança”.

A aposta nas áreas da acessibilidade e da mobilidade “vão também possibilitar que os cidadãos circulem com outra facilidade e comodidade, o que anteriormente não era possível”.

Para além disso, a oferta de novos espaços verdes e lúdicos “irá também permitir que várias gerações possam aproveitar a nossa cidade em pleno, com tudo de bom que Lamego tem para oferecer”, finalizou o edil.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.