Quinta-feira, 25 de Julho de 2024
No menu items!




Aprovado o Plano Operacional Municipal

A Comissão Municipal de Gestão Integrada de Fogos Rurais (SGIFR) de Montalegre reuniu-se para discutir, aprovar e projetar uma série de decisões.

-PUB-

A comissão reuniu-se no Salão Nobre dos Paços do Concelho, em Montalegre, sendo alvo de apreciação e análise de pedidos de construção de novos edifícios ou aumento da área de implantação de edifícios existentes. Foram ainda examinadas as faixas de gestão de combustível do município em 2023 e as propostas para 2024. 

Esta sessão de trabalho foi liderada pela presidente da Câmara de Montalegre, Fátima Fernandes que constata que “é das mais importantes do ano porque organizamos os meios de combate aos incêndios”. Neste sentido afirma também que o Plano Operacional Municipal é um “documento obrigatório, importante e crucial porque é aqui que são definidas as áreas de perigosidade, os equipamentos que podem ser alocados para o combate célere e os atores que possam ter de intervir” 

Também nesta reunião foram discutidas as precauções e as recomendações que a comissão elaborou. “Destaco algumas relacionadas com baldios que carecem de uma intervenção urgente porque oferecem alguma perigosidade”, frisa, também salientando a importância da população seguir as normas instauradas. “É importante que colabore, designadamente limpar a faixa de combustível em 50 metros à volta das casas. Esta ação é fundamental para proteger a propriedade e, acima de tudo, a própria vida de quem lá habita”, referiu a presidente do município, que ainda comentou que “a Câmara de Montalegre está a proceder à limpeza da faixa de combustível naquilo que é a sua competência, estando em vigor os protocolos que temos com os gestores das brigadas de sapadores que estão ao serviço da população”. 

Estiveram presentes na reunião a presidente e a vice presidente da Câmara Municipal, um representante do  ICNF (Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas), um representante dos presidentes da Junta de Freguesia, a GNR de Montalegre, a Associação de Baldios do PNPG (Parque Nacional Peneda-Gerês), os Bombeiros Voluntários de Salto, Gabinete Técnico Florestal da Câmara Municipal de Montalegre e os Bombeiros Voluntários de Montalegre.

[adrotate group="24"]

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

VÍDEOS




Mais lidas

[adrotate group="3"]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS