Quarta-feira, 20 de Outubro de 2021

Autarquia cria estrutura para acolher doentes

A Câmara Municipal de Mondim de Basto tem vindo a desenvolver planos de contingência e operacionais, de prevenção e resposta à pandemia da COVID19, em articulação com as estruturas de Proteção Civil e as Autoridades de Saúde locais e distritais.

-PUB-

No âmbito desse planeamento, foram identificadas necessidades de espaços, que serão supridas por via da disponibilização solidária, por parte dos empresários, empreendedores e do movimento associativo do concelho, de um total de 82 camas, existindo a possibilidade de alargamento deste número, caso seja necessário.

Os serviços municipais de Proteção Civil e o Comando dos Bombeiros Voluntários visitaram o hotel Água Hotels de Mondim de Basto, para aferir das condições oferecidas. Para além deste espaço, foi também manifestada a disponibilidade dos bungalows do parque de campismo, pela Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal; pelo empreendedor Filipe Romano de um espaço de alojamento local; pelo Palacete do Conselheiro; e da Casa do Piloto, por parte do Clube de Parapente de Basto.

Desta forma, com este gesto solidário, o município tem disponível de imediato e para um futuro próximo, soluções para as diferentes eventualidades que possam advir. A disponibilidade será ajustada tendo em conta a evolução da situação. A autarquia está ainda a reunir condições para preparar espaços municipais e considerará todos os gestos solidários que se possam manifestar.

Esta é uma luta de todos, e a comunidade mondinense tem revelado um verdadeiro espírito solidário e de entreajuda, fundamental para a melhor resposta possível a esta pandemia.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.