Sábado, 12 de Junho de 2021

Carla ficou sem uma perna e precisa de ajuda

Aos 41 anos, Carla Sofia necessita de uma prótese para voltar a andar, assim como outros aparelhos que a ajudem a ter uma vida o mais normal possível, uma vez que teve de amputar a perna direita para continuar a viver 

-PUB-

Carla Sofia mora no Bairro da Araucária e sempre foi uma mulher alegre, que gostava de dançar e divertir-se com a família e amigos. Mãe de um rapaz, de 16 anos, e uma rapariga, de 21, o cancro acabou por mudar por completo a vida desta mulher, que tem no seu marido o seu maior apoio nestes últimos nove anos em que a sua vida não tem sido fácil. 

Tudo começou em 2010 quando trabalhava no hospital de Vila Real e ao levantar um doente da cama sentiu um “esticão na virilha direita”. Começou a mancar, mas com o tempo e com alguma medicação, a dor passou. Passados quatro meses, sentiu novamente uma dor e reparou

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.