Sábado, 17 de Abril de 2021

Carnaval transmontano rima com tradição

Os próximos dias são de folia um pouco por todo o país, mas em Trás-os-Montes falar do Carnaval é falar de tradição. Das máscaras aos chocalhos, passando pelos diabos e pelas matrafonas, não falta nada, nem mesmo a sátira popular.

ENTRUDO CHOCALHEIRO

MACEDO DE CAVALEIROS

Com pouco mais de 200 habitantes, a aldeia de Podence vê as suas ruas encherem-se de gente por ocasião do Carnaval. A culpa é dos famosos Caretos, que recentemente viram as suas tropelias serem reconhecidas pela UNESCO como Património Imaterial da Humanidade.

Rua acima, rua abaixo, os Caretos percorrem as ruas da aldeia com os seus fatos coloridos em busca de raparigas solteiras para chocalhar, ainda que hoje em dia, e com tanta gente que por lá aparece, seja uma tarefa difícil, acabando por chocalhar quem se põe a jeito.

Nos últimos anos, o número de visitantes tem aumentado e em 2020 não será exceção, sendo esperados “mais de 40 mil visitantes entre sábado

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.