Quinta-feira, 11 de Agosto de 2022

Inaugurada nova Loja Interativa de Turismo

Foi inaugurada, no último sábado, a Loja Interativa de Turismo de Mondim de Basto. O novo espaço do concelho, dedicado às tecnologias de informação e comunicação ao turista, faz parte de uma parceria entre a Câmara Municipal e a Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal, com um investimento de 170 mil euros.

-PUB-

A abertura ao público da nova Loja Interativa de Mondim de Basto, localizada na Praça do Município, visa promover a interligação do concelho com a rede da Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), através de um conjunto de ferramentas tecnológicas e interativas de livre acesso, 24 horas por dia. A iniciativa levada a cabo pela Câmara Municipal (CM), com um investimento de 170 mil euros, permite aos turistas viajar, a partir de um simples toque, não só pelo Município, mas também por todo o Norte de Portugal.

Humberto Cerqueira, presidente da CM de Mondim de Basto, considera que o projeto representa um “passo extremamente importante no desenvolvimento do turismo do território”, uma vez que os “instrumentos em tempo real podem levar ao mundo todo o potencial da nossa realidade”. Assumindo-se como um espaço privilegiado para dar as boas vindas aos turistas e promover a cidade, este é “um investimento que nós esperamos que tenha um efeito positivo, sobretudo nesta questão da promoção e divulgação do território e dos produtos”, revela o autarca.

Na cerimónia esteve ainda presente o secretário de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação da Natureza, Miguel Castro Neto, que fez um “balanço extremamente positivo” da iniciativa, uma vez que em Mondim de Basto “temos um conjunto de valores naturais e culturais incontestáveis”. O membro do governo considera que existe uma aposta na criação de condições para que o investimento privado possa promover “um Portugal mais competitivo, mais coeso, em que as diferenças entre o litoral e o interior sejam esbatidas”.

A confirmar esta ideia, o presidente da CM referiu que, até ao final do ano, a autarquia vai investir 540 mil euros no desenvolvimento do turismo. “Para um município com um orçamento como o de Mondim de Basto, é uma verba muito importante nesta área”, confessa Humberto Cerqueira, acrescentando que “captar visitantes e turistas é trazer investimento, desenvolver uma economia forte, sustentada e justa”.

Neste novo espaço, munícipes e turistas podem usufruir de vídeos promocionais da região, assim como de um mapa interativo com percursos e pontos de interesse, roteiros interativos temáticos e podem ainda registar o momento da visita com fotografias captadas pelo aparelho TOMI, seja dentro da loja ou no exterior, na Praça do Município. “O desenvolvimento não se consegue com apenas a aposta numa determinada área, mas o turismo é hoje o principal setor económico em expansão e num concelho como o nosso, que tem paisagens, áreas naturais, um núcleo histórico, dois ícones como o monte de Nossa Senhora da Graça e das Fisgas, seria desperdiçar este potencial se não o fizéssemos”, conclui o presidente da CM de Mondim de Basto.

 

Autarca alerta para “desinvestimento” no Parque Natural do Alvão

 

No discurso de inauguração da nova Loja Interativa de Turismo de Mondim de Basto, o presidente da CM, Humberto Cerqueira, aproveitou a presença do secretário de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação da Natureza, Miguel Castro Neto, para deixar uma mensagem ao Governo e ao próprio Ministério. “Temos notado o desinvestimento do Estado nesta área protegida [Parque Natural do Alvão] de grande potencial”, alerta o autarca. Reforçando o empenhamento que tem existido entre as autarquias de Mondim de Basto e de Vila Real com o Estado, Humberto Cerqueira assume que é necessário tirar partido das áreas naturais, “garantindo a sua conservação e a biodiversidade e criando também condições de desenvolvimento para estes territórios”.

Por sua vez, o secretário de Estado admite que “durante muitos anos não houve uma aposta nestas áreas desprotegidas”, mas o mesmo já “não é verdade hoje”. Miguel Castro Neto revela que a estratégia do Governo passa “não apenas na conservação da natureza mas também na valorização deste património” e que há “um conjunto bastante articulado de apoios, quer nos programas nacionais ou regionais, quer no financiamento nacional ou europeu”. Assumindo a estratégia “natural.pt” como um dos grandes motivos de satisfação do trabalho desenvolvido pelo Ministério, o político defende que este é um “projeto que pode, de facto, corresponder aos desafios de hoje e dar-nos uma solução de médio e longo prazo para a valorização destes territórios e pelo combate que nós fazemos visando promover a coesão territorial”.

Ainda assim, segundo o presidente da CM, o governo “tem que olhar para as áreas naturais da mesma forma que olha para outros setores e para outras áreas do território”, pois estas “têm um potencial enorme no turismo e não há só turistas para visitar o Porto e Lisboa… Também há turistas que querem visitar as áreas naturais”. O autarca lamenta que o Parque Natural do Alvão tenha perdido “um pouco de gasto e de importância no contexto nacional”, enquanto, por outro lado, o Secretário de Estado acredita que “a nossa aposta é real, concreta e já tem resultados”.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

COMENTAR FACEBOOK

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.