Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2022
©DR

Mais 23 mortes e 3.786 infeções com Covid-19

Portugal regista hoje mais 23 mortos por covid-19 e mais 3.786 infeções com o vírus da doença, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

-PUB-

O número de óbitos voltou hoje a aumentar, depois dos 22 registados no sábado, e é o maior desde 09 de março deste ano, dia em que morreram 30 pessoas infetadas com o vírus SARS-Cov-2.

Segundo a DGS, também aumentou hoje o número de pessoas internadas com a doença nas últimas 24 horas: são hoje 911 (mais 32 do que no sábado) e 134 delas estão em unidades de cuidados intensivos (mais quatro).

A maior parte dos novos casos foi diagnosticada na região de Lisboa e Vale do Tejo (1.244), seguindo-se a região Norte (1.068), o Centro (941), o Algarve (265) e o Alentejo (128).

Das 23 mortes, sete ocorreram na região Centro, cinco no Norte, cinco no Algarve, três em Lisboa e Vale do Tejo, duas na Madeira e uma no Alentejo.

Por idades, uma das pessoas que morreram tinha entre 50 e 59 anos, duas tinham entre 60 e 69 anos, três tinham entre 70 e 79 anos e 17 tinham mais de 80.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se entre os idosos com mais de 80 anos (12.072 do total de 18.537 mortos por covid-19 em Portugal desde o início da pandemia), seguindo-se as faixas etárias entre os 70 e os 79 anos (3.986) e entre os 60 e os 69 anos (1.692).

Há agora 61.363 casos ativos de covid-19 (mais 2.530 do que na sábado) e recuperaram da doença 1.233 pessoas, o que aumenta o total nacional de recuperados para 1.086.887.

Em relação a sexta-feira, as autoridades de saúde têm mais 1.324 contactos em vigilância, totalizando 76.079.

Dos novos casos, 719 foram diagnosticados em pessoas entre os 40 e 49 anos, 522 em crianças até aos 09 anos, 506 no grupo entre os 20 e os 29 anos, 491 entre os 30 e os 39 anos, 457 entre os 50 e os 59 anos, 429 entre os 10 e os 19 anos, 395 entre os 60 e os 69 anos, 181 entre os 70 e os 79 anos e 86 em pessoas com mais de 80 anos.

A região de Lisboa e Vale do Tejo registou desde o início da pandemia 446.459 casos e 7.851 mortes.

Na região Norte, registaram-se 437.736 infeções e 5.665 óbitos desde o início da pandemia.

A região Centro tem agora um total acumulado de 164.347 infeções e 3.273 mortes.

O Algarve acumula 49.879 contágios e 526 óbitos, e o Alentejo soma 42.959 contágios e 1.066 mortos com covid-19 desde março de 2020.

A Região Autónoma da Madeira contabilizou, nas últimas 24 horas, segundo a DGS, 100 novos casos e dois óbitos, somando 15.160 infeções e 107 mortes, e os Açores 40 novos casos, totalizando 10.247 contágios e 49 mortes.

As autoridades regionais dos Açores e da Madeira divulgam diariamente os seus dados, que podem não coincidir com a informação divulgada no boletim da DGS.

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 1.166.787 pessoas – 623.168 mulheres e 542.810 homens -, indicam os dados da DGS, segundo os quais há 809 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que esta informação não é fornecida de forma automática.

Entre as 18.537 pessoas que morreram com covid-19 em Portugal desde o início da pandemia, 9.712 eram homens e 8.825 eram mulheres.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.