Terça-feira, 19 de Outubro de 2021

Pedro Matos ficou em primeiro lugar

Realizou-se em Pontevedra (Espanha) o Torneio Internacional de Taekwondo “Ciudad de Pontevedra”. Este torneio contou com a presença de cerca de 5 centenas de atletas de vários cantos do mundo, sendo que os Europeus, nomeadamente os espanhóis prevaleciam em maior numero.

-PUB-

Nesta competição de enorme qualidade, o Clube de Taekwondo de Vila Pouca de Aguiar participou com os atletas Suse Carvalho, Samir Pinto e Pedro Matos, com o treinador José Teixeira e com o árbitro João Moreira. Este último ficou como responsável de uma das 8 áreas de competição. As suas prestações e qualidades foram imediatamente reconhecidas pelos organizadores do campeonato.

Relativamente à competição, a prestação dos atletas do CTVPA foi de grande nível, os resultados assim o indicam.

A atleta Suse Carvalho classificou-se em 3º lugar. Venceu duas adversárias, conseguindo desta forma alcançar as meias- -finais, mas foi nesta eliminatória que a sua opositora foi mais forte, eliminando a atleta portuguesa pelo resultado de 8-6.

Samir Pinto ficou fora das medalhas, porque foi afastado pelo competidor espanhol. Depois de conseguir alcançar os quartos–de-final com mérito, foi nesta eliminatória que a derrota com o atleta da casa teve um sabor amargo, pois o Samir esteve sempre a liderar a prova, sendo surpreendido nos segundos finais do combate.

Sem apelo nem agrado, Pedro Matos não deixou os seus créditos ficar por mãos alheias. Não deu qualquer hipótese aos seus adversários vencendo-os com relativa facilidade. O combate da final foi o mais equilibrado onde o Pedro garantiu o 1º lugar, vencendo um atleta de Espanha pelo resultado de 7-4.

Em suma, foi um sábado de competição em grande. Gratos pelas prestações dos atletas e do árbitro do Clube de Taekwondo de Vila Pouca de Aguiar que mais uma vez levaram o nome do Município de Vila Pouca de Aguiar tão longe.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.