Quinta-feira, 29 de Julho de 2021

“Preparamos alunos ativos, autodidatas e autónomos”

ESPECIAL ENSINO - Escola Profissional Agostinho Roseta

-PUB-

A Escola Profissional Agostinho Roseta é um estabelecimento de ensino especializado na oferta de cursos de formação profissional localizado em Vila Real, atualmente com foco na área da multimédia. Acolhe 64 alunos, do 10.º ao 12º ano, e dada a sua dimensão, vive-se “um ambiente familiar num espaço acolhedor, onde é possível estar próximo de cada aluno”.

Quem o diz é Ana Sofia Silva, professora na Escola Profissional Agostinho Roseta, salientando a “relação de proximidade que se cria entre alunos e professores”, um fator que permite aos docentes acompanhar de perto a realidade de cada um. “Conhecemo-nos todos muito bem e isso permite-nos perceber, também, quando é que os alunos precisam de uma palavra amiga ou de outro tipo de apoio”. 

De forma a estimular a aprendizagem e o gosto pela área, a atividade diária dos alunos não se limita ao conhecimento teórico, sendo uma prática recorrente desta instituição a promoção de aulas de campo. “Tentamos sempre que o nosso ensino seja o mais prático possível, de forma a preparar os alunos para o mercado de trabalho. Temos como hábito percorrer a cidade, para fotografar e realizar filmagens no exterior, de modo a que os alunos coloquem em prática o que aprendem”, explica a docente.

Priorizando o desenvolvimento de competências para encarar o mercado de trabalho e o ensino superior, o objetivo para o futuro é simples: “continuar a crescer, sem perder o nosso espírito de família, de entreajuda. Estamos sempre prontos a ajudar os nossos alunos”.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.