Sábado, 19 de Junho de 2021
©Arquivo VTM

Prisão preventiva para 4 dos 10 detidos pela PJ na operação “Gama Alta”

O Tribunal de Viseu decretou a prisão preventiva para quatro dos 10 detidos pela Polícia Judiciária de Vila Real numa investigação ao negócio fraudulento de carros de gama alta através da Internet, disse hoje fonte policial.

-PUB-

A fonte acrescentou que os restantes seis detidos ficaram sujeitos a apresentações bissemanais nos postos policiais da área de residência e com proibição de contactos entre eles.

A operação denominada “Gama Alta” foi desencadeada pelo Departamento de Investigação Criminal de Vila Real e culminou, na terça-feira, com a detenção de nove homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 20 e os 71 anos, suspeitos da autoria dos crimes de associação criminosa, burla qualificada, falsificação de documentos e detenção de arma proibida.

Os suspeitos, sem ocupação laboral conhecidas e com ligações familiares, foram presentes ao Tribunal de Viseu na quarta e quinta-feira e as medidas de coação foram conhecidas hoje, tendo sido aplicada a medida de coação mais grave, a prisão preventiva a quatro dos arguidos.

A ação policial decorreu nas zonas do Porto, Setúbal e Elvas e incluiu a realização de 24 buscas domiciliárias e não domiciliárias.

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.