Sábado, 16 de Outubro de 2021

PSD reclama centro de rastreio em Bragança

Os deputados do PSD consideram “absolutamente indispensável” a abertura de um centro de testes ao novo coronavírus como forma de “agilizar a identificação de infetados e impedir ainda mais a disseminação do vírus” no distrito de Bragança.

-PUB-

Numa pergunta dirigida à ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, os deputados querem conhecer qual “o critério utilizado para priorizar os distritos de Lisboa, Aveiro, Évora e Guarda, em detrimento do distrito de Bragança”.

“Era no Norte de Portugal que os testes de despistagem à Covid-19 em lares de terceira idade deviam começar, é no Norte do país onde há mais casos”, defendem os parlamentares Isabel Lopes, Adão Silva, José Silvano e Clara Marques Mendes.

“O Governo devia considerar os lares de idosos e as unidades de cuidados continuados integrados como prioritários neste combate. Os nossos idosos têm um passado, mas também querem um futuro após a Covid-19”, sublinham os deputados.

Ainda na segunda-feira, a Câmara exigiu também ao Governo a realização “imediata” de testes à Covid-19 em todos os lares de idosos em Trás-os-Montes, a segunda região mais envelhecida do país.

O PSD quer saber “qual foi o critério utilizado para priorizar os distritos de Lisboa, Aveiro, Évora, Guarda, em detrimento dos distritos do Norte de Portugal, onde mais casos se verificam”.

Pretende ainda saber se o Governo “vai criar esses centros de diagnóstico à Covid-19 no concelho brigantino” e ainda que medidas estão a “ser equacionadas para reforçar os meios humanos nos lares de idosos”.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.