Segunda-feira, 25 de Outubro de 2021

Rafael Lobato vence em Vila Real

No fim-de-semana, no kartódromo AMF em Vila Real, disputou-se uma prova de resistência em kart com a duração de 3 horas, disputada por equipas de 4 pilotos.

-PUB-

Rafael Lobato marcou presença a convite da equipa PTM 1, que também integrava Paulo Martins, André Serafim e José Rui Taboada. Compareceram, à partida, 8 equipas, já que algumas que tinham garantido a sua presença, acabaram por faltar. Os treinos cronometrados viriam a consagrar a equipa PTM 1 como a mais rápida, logo seguida das Oficinas Balça.

A corrida teria início com Rafael Lobato ao volante do kart na “pole-position”. No arranque manteve a liderança e aproveitando as lutas que atrás de si se desenrolaram, assim como alguns percalços mecânicos de outras equipas, foi ganhando uma confortável margem sobre os seus adversários. No final do seu turno de condução, em que realizou a volta mais rápida da corrida, entregaria o kart ao seu colega Paulo Martins que, mantendo um elevado ritmo, preservou a liderança. Seguiu- -se a passagem de testemunho a José Rui Taboada, o terceiro piloto da equipa a ir para a pista. Com um ritmo muito rápido e constante, manteve a liderança que herdou até a entregar ao piloto seguinte. Este último turno de condução seria feito por André Serafim, que teria a dificuldade adicional de o disputar debaixo de luz artificial, pois entretanto a noite tinha caído. Com uma condução rápida e constante, levou o kart da sua equipa até à vitória, no final das 176 voltas que realizaram à volta do kartódromo AMF ao longo das 3 horas de prova.

A classificação final determinaria a equipa PTM 1 como vencedora, seguida das Oficinas Balça e da equipa AMF.

Seguiu-se um jantar no restaurante do kartódromo, que culminaria o excelente convívio vivido por todos os presentes.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.