Quarta-feira, 8 de Dezembro de 2021

Temperaturas máximas sobem entre 4 e 8 graus a partir de amanhã

As temperaturas máximas vão subir a partir de terça-feira entre 04 e 08 graus Celsius em algumas regiões do continente e na quarta-feira prevê-se um aumento das mínimas com noites tropicais, segundo o IPMA.

-PUB-

"Hoje ainda não temos uma alteração significativa dos valores das temperaturas e a nota dominante será o vento com rajadas da ordem dos 65 quilómetros por hora na faixa costeira ocidental. Para amanhã [terça-feira] já vamos ter uma subida acentuada da temperatura máxima entre os 04 e os 08 graus em alguns locais", disse à agência Lusa a meteorologista Maria João Frada.

Na região sul, a subida da temperatura máxima será mais pequena entre os 02 e os 04 graus, de acordo com a especialista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA),

"Isto quer dizer que vamos chegar ao meio da semana com máximas a variar entre os 30 e os 33/34 graus. No entanto, em alguns locais do litoral norte e centro, do interior do Alentejo, Beira Baixa e Vale do Tejo as temperaturas vão variar entre os 35 e os 39 graus. Na grande Lisboa estão previstos 35 graus", disse.

Maria João Frada adiantou ainda que na quarta-feira está prevista uma subida significativa das temperaturas mínimas na generalidade do território.

"A partir de dia 21 vamos ter uma subida da mínima e vamos ter noites tropicais em grande parte do continente. As temperaturas não vão descer abaixo dos 20 graus", indicou.

Segundo a meteorologista do IPMA, as temperaturas vão manter-se altas até sexta-feira, esperando-se uma descida a partir de sábado.

"No sábado há uma tendência para uma descida da temperatura máxima no norte e centro, especialmente no litoral a norte do Cabo Raso e no domingo descem mais um pouco. Ainda assim os valores não descem abaixo dos 30 a 35 graus, com exceção para a faixa costeira a norte do Cabo Raso que será da ordem dos 25 a 27 graus", disse.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.